terça-feira, 1 de novembro de 2011

Uma democratização autoritária e centralizadora

   Com um senso crítico ando observando que, os brasileiros, a cada ano que se passa se transforma em uma ferramenta medíocre e fútil. Acho alarmante, o número de pessoas que postam e compartilham 'piadinhas' modestas sobre o Ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva - em relação ao seu câncer na laringe. A conduta e o déficit de maturidade de muitos, chega a um estado desesperador. O que sucedeu com Lula, poderia sobrevir a qualquer família. Acredito que, julgar e estabelecer uma relação crítica entre política, planejamento e legislação, requer muitas vezes problemas de ordem pessoal e também moral.

 Bruno Coelho

8 comentários:

  1. Ninguém é obrigado a gostar desse ou da quela pessoa, mais é primordial o respeito ao próximo e a solidariedade.

    E isso, infelizmente está em falta em muitas pessoas completamente sem noção.

    A ignorância moral, está se alastrando como praga pelo planeta, o que me deixa muito triste.

    Abraços mágicos.
    Lua.

    ResponderExcluir
  2. Seu blog é simplesmente lindo, surpreendente. Voltarei aqui outras vezes para ler, e aprender coisas novas com vc.
    Sobre o Lula, esse deve ser um momento em que todo ser humano deve arrepender-se pelos excessos cometidos. Felizmente, ele terá um tratamento digno. Diferente de milhares de brasileiros que perambulam pelos hospitais públicos em busca de atendimento. Boa sorte pra ele.
    Muita luz no seu caminho Bruno.
    Beijos,
    Ione.

    ResponderExcluir
  3. Nunca votei no LULA e nunca falei mal dele. Não o conheço como homem e política é política, gostaria que não houvesse a obrigatoriedade do voto.

    Mas não stressa é modinha tipo face book, pega e cola em seu mural...rs

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Passei pra te desejar um maravilhoso mês de Novembro e para agradecer todas as vezes que você carinhosamente esteve visitando meu blog.
    Espero que volte em breve...

    Beijos
    Ani

    http://cristalssp.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Flores no Jardim. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Você está estre os melhores de 2011, primeira premiação feita pelo blog Sei que Deus existe, passe por lá para conferir e pegar seu prêmio virtual parabéns pelo seu trabalho.
    http:www.seiquedeusexiste.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Nunca na história desse país houve um presidente tão querido pelos brasileiros rsrs..

    Sei que todos nós temos o direito de expressão e preservo isso, mas brincar com a doença do Lula e fazer julgamento é no mínimo vergonhoso e irracional.

    Passando para uma visita. Ficarei muito honrado com a sua.

    http://planosdivinos.blogspot.com

    Paz!

    ResponderExcluir
  8. Você é especial. Tem um selinho para você em meu blog.
    Feliz Natal!

    ResponderExcluir